Pular a navegação e ir direto para o conteúdo


Filtrar por data

Como Chegar

Praça Ruy Barbosa, 104 | Centro
Belo Horizonte | MG | 30.160-000
Telefone: (31) 3222-6457
contato@centoequatro.org

Funcionamento:
Café 104, Cine 104 e espaços multiuso: consulte a programação

Acesso para deficientes

Detalhes

Agenda

06 jun 07 jun

BAU {Bazar de Artes e Utilidades} de Junho homenageia mescla de culturas africana e brasileira

O CentoeQuatro promove mais uma edição do BAU {Bazar de Artes e Utilidades}, um dos bazares mais movimentados de BH. A edição de junho destaca a mescla de culturas africana e brasileira. O evento acontece nos dias 06 e 07 de junho, de 10 às 19 horas (sábado) e das 10 às 18 horas (domingo). Os destaques, além dos produtos e serviços diferenciados comercializados por artesãos e designers, são as oficinas gratuitas de arte e decoração e as intervenções culturais. A entrada do BAU é R$ 3,00.

O BAU de junho traz mais de 60 marcas expondo seus produtos e serviços. Na lista estão itens de vestuário feminino, masculino e infantil, além de móveis, objetos de decoração, bijuterias, joias, bolsas artigos de papelaria, desenhos, fotografias e pinturas.

Apresentações e Oficinas no bazar – O BAU também é um espaço para apresentação de intervenções artísticas e instalações. Nesta edição, a diversidade de ritmos e etnias marca presença com a apresentação da dupla Elisa de Sena e Manu Ranilla, da dupla Ventura, que apresenta músicas solos e parcerias, acompanhadas do ritmo percussivo criado com instrumentos e objetos. Pandeiro, tambor, conga e carón, garantem a base para que facas, chaves, garrafas e outros objetos se expressem sonoramente. O mestre capoeirista Jurandir ministra uma Oficina de Capoeira de Angola no sábado, às 15 horas, abertura ao público do BAU. No sábado e no domingo, as marcas de roupas participantes do bazar promovem um Desfile de moda, com os destaques de suas coleções, às 13 e 16 horas.

Quer aprender a fazer arranjos de cabelo super modernos e diferentes? A Cida Nascimento ensina o processo todo durante o BAU, na Oficina de Arranjo de Cabelo, no sábado e no domingo, às 16h30. E a fotógrafa e artista plástica Cecília Pederzoli ensina a confeccionar mandalas criativas e coloridas na Oficina de Mandala, nos dois dias do evento, às 18 horas (sábado) e às 12 horas, no domingo.

No domingo, dando continuidade à programação de oficinas e intervenções culturais que valorizam diferentes etnias e a diversidade, teremos uma Roda de Capoeira, às 10 horas. Na programação de oficinas com horários livres estão: Oficina de Crochê, com a mestra Onília Dias, com décadas de aprendizado sobre a arte do fios; Oficina de Mosaicos, ministrada por Elizabete Rosa, que ensina todo o processo de montagem utilizando cerâmicas; Oficina de Capoeira para Crianças, com o capoeirista Thiago Nascimento; e a Oficina de Bonecas Abayomi, com Marília Laranjeira, que ensina a confeccionar pequenas bonecas negras, feitas de pano e sem costura alguma, apenas nós ou tranças. A palavra Abayomi tem origem no iorubá e significa aquele que traz felicidade ou alegria.

Exposições no BAU – O artista plástico e designer gráfico Fernando Carvalho, da marca Um Cartaz Uma História, expõe seus quadros feitos com papel especial, uso de nanquim e aquarela no BAU. Suas obras estão em exposição – até o dia 22 de junho – no “Open Day”, no espaço LX factory, em Lisboa (Portugal) e também podem ser conferidas durante o bazar do CentoeQuatro.

A fotógrafa Maria Rosa Pereira da Cruz leva para o BAU sua exposição “Vida e experiência de um feminino negro”. O projeto traz assuntos considerados tabus para a sociedade, como o racismo. As imagens têm como referência a história de uma mulher negra e brasileira de nome Lila Santos, que fala sobre sua vida e experiência convivendo com o racismo no período em que viveu na Europa. O depoimento foi publicado no livro “Mulher Negra, Homem Branco” da autora Gislene Aparecida dos Santos. E a artista plástica Daniella Basílio expõe suas colagens especiais inspiradas na cultura pop, feitos com muita inspiração e criatividade.

Intervenções no BAU – Durante o BAU serão apresentados alguns livros da escritora Madu Costa, com leitura feita pela dupla de crianças João Lucas e Raisla Maria. E o artista plástico e grafiteiro Dabi de Melo Santos fará uma intervenção com grafite, produzindo um painel durante o evento.

Música no bazar – Além da apresentação da dupla Ventura, o BAU conta com outras três apresentações musicais: Gustavo Elias, Daniel Guedes e o DJ CaspeRoots.

SERVIÇO
Programação BAU – Especial Afrobrasilidades
Data: 06 e 07 de junho (sábado e domingo)
Horário: 10 às 19 horas (sábado) e 10 às 18 horas (domingo)
Local: CentoeQuatro
Praça Ruy Barbosa, 104 – Centro – BH
Entrada: R$ 3

Horários Oficinas e apresentações
Sábado – dia 06 de junho
10 horas – abertura do BAU
11 horas – Apresentação dupla Ventura
13 horas – Desfile de moda com marcas expositoras do BAU
14 horas – Apresentação dupla Ventura
15 horas – Oficina de Capoeira de Angola com Mestre Jurandir
16 horas – Desfile de moda com marcas expositoras do BAU
16h30 – Oficina de Arranjos de Cabelo – com Cida Nascimento
17 horas – Apresentação dupla Ventura
18 horas – Oficina de Mandala – com Cecília Pederzoli
19 horas – Encerra BAU

Domingo – dia 07 de junho
10 horas – Abertura do BAU com Roda de Capoeira
11 horas – Apresentação dupla Ventura
12 horas – Oficina de Mandala – com Cecília Pederzoli
13 horas – Desfile de moda com marcas expositoras do BAU
14 horas – Apresentação dupla Ventura
16 horas – Desfile de moda com marcas expositoras do BAU
16h30 – Oficina de Arranjos de Cabelo – com Cida Nascimento
17 horas – Apresentação dupla Ventura
18 horas – Encerra BAU

Oficinas com horários livres
Oficina de Crochê – com Onília Dias
Oficina de Mosaicos – com Elizabete Rosa
Oficina de Bonecas Abayomi – com Marília Laranjeira
Oficina de Capoeira para crianças – com Thiago Nascimento

 

Detalhes

Vá de ônibus, táxi, bicicleta ou metrô | Próximo a Estação Central de metrô

Detalhes